Moradores da região deram falta das mulheres depois de meses e, ao entrar na casa, encontraram os corpos em estado de decomposição. Caso é investigado pela 32ª DP (Taquara).

Corpos de mãe e filha foram encontrados em uma casa na Taquara, na Zona Oeste do Rio, na noite de quarta-feira (6). Agentes do 18°Batalhão (Jacarepaguá) foram chamados por vizinhos.

Os moradores da região deram falta das duas depois de meses e, ao entrar no imóvel onde elas residiam, encontraram os corpos em estado de decomposição e chamaram a polícia. Os corpos não apresentavam sinais de violência.

Os vizinhos contam que algumas situações começaram a chamar atenção. Minha preocupação é que começou a aparecer bicho, gambá, rato, muito mosquito. Preocupado com a dengue, vi que estava com muito mato ali. Falei: poxa, vou falar com elas para capinar isso”, disse o aposentado Ronaldo Luiz de Oliveira.

O encarregado de manutenção André Guimarães diz que outros vizinhos foram falar com ele que mãe e filha estavam sumidas. “Elas eras muito queridas pela gente aqui. Eram pessoas muito fechadas, mas eram pessoas que não criavam problemas. Era professora. Meu pai, que já é falecido, gostava muito delas. Eram pessoas bacanas. A gente fica sem entender o que aconteceu”.

A investigação está a cargo da 32ª DP (Taquara). O delegado responsável pelo caso solicitou uma perícia no local e uma necropsia.

Share: