Segundo familiares, a vítima brincava com um primo quando o animal se aproximou e a atacou. O jacaré levou a criança para o fundo do rio

Uma menina de cinco anos morreu após ser atacada por um jacaré, no último sábado (9), na Comunidade Fazenda Abufary, no município de Tapauá, distante 760 quilômetros de Manaus.

A comunidade é conhecida pelo grande número de jacarés que habitam a região, que chega a superar a quantidade de moradores da Fazenda Abufary, que reúne cerca de 55 famílias.

Segundo familiares, a menina brincava com um primo, sob os cuidados de uma tia, quando o jacaré se aproximou e a atacou. O animal levou a criança para o fundo do rio. A família disse que não conseguiu evitar o ataque.

 

Rebeca Silva, uma das irmãs da vítima, postou o caso em uma rede social e pediu ações para que a situação não aconteça novamente. “Que tristeza para os meus pais. Só peço que as autoridades tomem uma providência, para que isso não se repita”, escreveu.

De acordo com ela, a situação na comunidade é desesperadora. “Aqui moram muitas crianças que passam pelo mesmo risco, pois existem muitos jacarés na região, quase todos próximos a nossas residências. Eles invadem as casas e não podemos fazer nada, pois corremos o risco de sermos presos ou multados, pois defendem mais a vida de animais do que de humanos”, disse Rebeca.

 

Share: