Mesmo com ceia de Natal da noite anterior, muitas pessoas saíram em busca de almoço.

Mesmo com a tradicional “sobra” da ceia de Natal, que muitas famílias aproveitam no dia seguinte, outras pessoas precisaram procurar por comida feita na hora neste feriado de Natal (25). Com essa demanda, empreendedores de Manaus aproveitaram o feriado para lucrarem com as vendas de almoço.

No bairro São José II, na Zona Leste de Manaus, o empreendedor Anchises Correa, de 38 anos, aproveitou o feriado para lucrar com as vendas. Ele disse que há 10 anos trabalha nesse segmento.

“É tradição do nosso restaurante abrir no dia 25 de dezembro e dia 1º de janeiro. Isso é uma forma até de conquistarmos a clientela, pois muitos empreendimentos por aí fecham, o cliente vem, experimenta nossa comida, gosta e acaba fidelizando”, disse.

 

Correa contou que, em 2019, nesse mesmo dia, ele lembra que teve um faturamento razoável em relação às vendas. Para ele, é como se tivesse em uma sexta-feira por conta da movimentação. “Por conta da pandemia esse ano, tudo que entra no caixa, no final faz valer a pena, esse sacrifício a mais para conseguirmos manter as contas em dia”, completou.

Na Zona Norte, um empreendedor também aproveitou o feriado para vender almoço  — Foto: Eliana Nascimento/G1 AM

Na Zona Norte de Manaus, no bairro Novo Aleixo, não foi diferente para um outro dono de restaurante. Antonio José atua no ramo há quatro anos com a esposa. Ele também disse que espera lucrar com as vendas nesse feriado de Natal.

“Muitas pessoas vêm assim que acordam [hoje mais tarde]. A expectativa para vendas, especialmente hoje, é muito alta. Espero vender bem”, contou.

Nesse mesmo restaurante, a reportagem conversou com o cliente Jorge Melo, de 62 anos, que estava almoçando no local. “A minha ceia de Natal foi excelente com a família, mas eu vim atrás da comida saborosa, do churrasco. Não quis o de ontem [comida] porque é muita sobra, resto”, brincou.

Share: