Ministro do Interior do Afeganistão afirmou que outras 20 pessoas ficaram feridas, entre elas um membro do Parlamento do país. Ninguém reivindicou a autoria do atentado.

explosão de um carro-bomba em Cabul, capital do Afeganistão, deixou pelo menos 9 mortos e 20 pessoas feridas neste domingo (20), afirmou Massoud Andarabi, ministro do Interior do país.

Andarabi informou que entre os feridos estão mulheres, crianças e Khan Mohammad Wardak, membro do Parlamento afegão e possível alvo do ataque.

De acordo com informações da agência Reuters, não está claro se o explosivo estava em um automóvel estacionado ou se alguém dirigia o veículo no momento do incidente. Ninguém reivindicou a autoria do atentado.

Acusações contra o Talibã

 

Em comunicado, Andarabi criticou o Talibã, acusando o regime de matar 487 civis e ferir outros 1.049 ao realizar 35 ataques suicidas e provocar 507 explosões ao longo dos últimos três meses no país.

Na última sexta-feira (18), pelo menos 15 pessoas morreram – a maioria delas, crianças – depois que uma explosão atingiu uma cerimônia religiosa na província de Ghazni, região central do Afeganistão.

Share: